O FBI investiga um ataque hacker que fez centenas de sites de distritos escolares por todos os EUA mostrarem mensagens de apoio ao Estado Islâmico. Ninguém foi preso ainda.

Sites de escolas em importantes distritos como Tucson (Arizona), Newtown (Connecticut) e Gloucester County (Virgínia) estão entre os hackeados. Em Bloomfield, Nova Jersey, a mensagem ficou no ar por mais de duas horas.

Segundo a SchoolDesk, empresa que mantém os sites, técnicos descobriram um arquivo que foi plantado no código-fonte de um dos portais. Isto fez cerca de 800 sites serem redirecionados para uma página do YouTube com uma mensagem em árabe e uma foto do ex-ditador iraquiano Saddam Hussein.

“Parece que era um vídeo de recrutamento ou de respaldo ao Estado Islâmico”, admitiu o fundador da SchoolDesk, Rob Freierson, ao site “NJ.com”.

A companhia afirma que aumentou as proteções para evitar novos incidentes.

A Future possui soluções que podem auxiliar você e sua empresa a ficarem seguros. Saiba mais clicando aqui!

Fonte: O Globo

Entre em contato conosco